Carregando...
Outros

Instalando Servidor CentOS 8 em modo texto

Tempo de leitura: 6 minutos

Neste artigo ensino como instalar o mais novo CentOS 8 que finalmente foi lançado no dia 24 de setembro, (esse artigo está pronto faz um tempão, só consegui ter tempo para postar agora, devido a falta de tempo :/) após a instalação irei pontuar a minha experiência com a distribuição e o que foi melhorado nessa versão.

Obs: Para fazer a instalação utilizei o VirtualBox 6.0.12.

Vamos criar a nossa VM no VirtualBox, é bem simples criar uma VM, irei descrever passo a passo sem imagem:

  1. No VirtualBox clique em Novo.
  2. Escolha o nome da VM, eu coloquei o nome da minha como: CentOS 8 (bem criativo kkk)
  3. Ao escrever CentOS 8 ele reconhece que é uma VM Red Hat x64, e está certinho.
  4. Coloque o tamanho da memória que deseja, deixei a minha com 1GB de memória.
  5. Criar o disco, selecione tipo .vdi e deixei a minha com 30GB.
  6. Logo na sequência cliquei em criar e pronto!

Com a VM criada, clique com o botão direito e clique em configurações, após feito isso, irá abrir a tela abaixo, então clique em Armazenamento > logo abaixo do Controlador: IDE selecione a imagem (ISO) do CentOS 8, e clique em OK.

CentOS 8 VirtualBox

A sua VM deve estar conforme a imagem abaixo:

CentOS 8 VirtualBox

Agora iremos iniciar a nossa VM, para iniciar clique em Iniciar! kkkk

Ao iniciar irá aparecer a tela de boot da instalação, selecione a opção: Install CentOS Linux 8.0.1905.

Agora iremos selecionar o idioma, eu prefiro deixar em Inglês por questão de compatibilidade e por ser utilizado por padrão.
Selecione English > English (United States) e clique em Continue.

Agora iremos ver o menu de instalação, é nele que iremos fazer algumas configurações.

Instalação do CentOS 8.

Alterando o fuso horário:
Clique em Time & Date

No mapa clique em cima de São Paulo.

Repare que logo abaixo recomenda setar um servidore NTP.

Clique na engrenagem e adicione o servidor ntp, eu costumo colocar os servidores: a.ntp.br / b.ntp.br / c.ntp.br, após colocar clique no seletor e ative, repare que a mensagem desapareceu…

Agora iremos alterar o layout do teclado, para Portugues (Brasil).
Clique em Keyboard.

Abaixo do idioma clique no botão +, e pesquise pelo idioma portugues, selecione Portuguese (Brazil), e clique em Add.

Após adicionar clique em Done.

Pronto, já alteramos o idioma do teclado, agora iremos alterar a instalação para modo texto.
Clique em Software Selection.

Iremos instalar a versão mínima, que vem limpa sem pacotes desnecessários, conforme a imagem abaixo, tem diversos modos, você pode escolher o que irá te atender, idependente da finalidade do server eu sempre escolho a opção minimal, eu prefiro porque eu escolho o que eu quero instalar.

Em Base Environment selecione Minimal Install, e em Add-Ons for Selected Envirnment, selecione a opção Standard e clique em Done.

Agora iremos definir a partição do disco, como isso vai da necessidade eu irei configurar a padrão do CentOS porém irei utilizar LVM, para facilitar nas manutenções futuras de disco, como: falta de espaço, adicionar mais partições e etc..

Em SYSTEM, clique em Installation Destination.

Agora selecione o Disco, em Storage Configuration selecione Custom, e depois clique em Done.

Nesta etapa iremos selecionar o tipo de partição, que será LVM e criaremos de forma automática.

Após clicar em Done, selecione o Tipo de partição e escolha LVM, e dpois clique em Click here to create them automatically e clique no + logo abaixo.

Após clicar em Click here to create them automatic, perceba que criou por padrão as partições: /boot, / “barra” e swap, na sequência clique em Done.

Ao clicar em Done, irá aparecer a tela abaixo, perguntando se aceita as mudanças feitas, clique em Accept Changes.

Repare que ficou como Custom partioning selected, que significa: Selecionado particionamento customizado.

Agora iremos configurar a rede, em SYSTEM, clique em Network & Host …

Aqui iremos fazer os seguintes ajustes: definir hostname e habilitar para placa de rede subir no boot do sistema.

Em Host Name, coloque o hostname do seu servidor, no meu caso coloquei: centos8-server, lembrando que o máximo é 14 letras ou números, clique em Apply, logo acima iremos clicar na chave para ficar no modo ON, que significa que ele irá ativar a placa de rede no boot, depois clique em Done.

Caso já queira definir o IP fixo ou DNS clique em Configure… onde destaquei com a cor roxa.

Agora iremos iniciar a instalação, clicando em Begin Installation. o/

Conforme a imagem abaixo, repare que já está sendo instalado porém precisamos definir uma senha para o Super User (root) e criar um usuário (Opcional).

Clique em Root Password e defina uma senha e logo em seguida clique em Done.

Agora iremos criar um usuário, clique em User Creation.

Coloque o Full name (nome completo), User name (nome do usuário) e em Password coloque a senha e confirme em Confirme password, em seguida clique em Done.

Repare que a senha do root foi setada, e o usuário foi criado.

A instalação foi concluída porém precisamos desmontar o disco, por que se não quando for feito o boot irá iniciar pelo CD novamente.

Cliquem em Dispositivos Discos Ópticos > e desmarque a ISO.

Clique em Forçar Desmontagem.

Por ultimo clique em Reboot.

Iniciando o CentOS 8 – Tela de boot. 🙂

Efetue o login com o seu usuário ou o root, no meu caso fiz o login como root.

Ao logar eu executei o comando hostnamectl, para exibir algumas informações do servidor, como hostname, kernel, versão do CentOS e Arquitetura…

É isso! você acabou de aprender a instalar o CentOS 8 em modo texto, usando as configurações mínimas para ficar bem leve…

Se você quer saber o que há de novo no CentOS 8, eu recomendo esse artigo que está bem completo.

Curtiu? dê uma conferida em outros artigos aqui do Blog Linux na Web!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: